Ter saúde é adotar hábitos saudáveis e ser feliz

Você já está cansado de ouvir que precisa se cuidar e focar na prevenção, mas hoje, Dia Mundial da Saúde, decidimos lembrar você dos principais fatores que preservam sua saúde, garantindo longevidade e qualidade de vida. Quem vai nos ajudar nessa tarefa é o diretor técnico da Anjos do Lar, dr. Carton Murilo Lopes. Confira neste breve bate-papo com o médico quais são os principais cuidados que você deve ter no dia a dia para ser mais saudável e feliz: 

  1. Anjos do Lar: A vida moderna gera muito estresse e correria. Como exatamente isso afeta a nossa saúde?

Dr. Carton Murilo Lopes: A vida moderna pode afetar e muito com a facilidade, comodidade. Usa-se menos o corpo e mais a mente. A tecnologia, quando usada em excesso, nos impede de sair e mexer o corpo. Andamos muito de carro, comemos rápido e usamos muito o controle remoto, gerando estresse pelo não uso de válvulas de escape importantes como a atividade física.

  1. AL: E qual o papel da alimentação na nossa vida?

Dr. Carton: Alimentação é primordial para a vida em todos os sentidos, para isso recomenda-se o hábito de uma alimentação saudável, se possível com orientação profissional. Quem não cuida pode desenvolver muitas doenças.

  1. AL: Que alimentos deveriam ser riscados do cardápio e quais precisam ser mais consumidos?

Dr. Carton: Os alimentos mais distantes da natureza e mais próximos da manipulação humana devem ser evitados, como embutidos e enlatados por exemplo. É sempre melhor chupar uma laranja do que compra um suco de caixinha. A regra é desembalar menos e descascar mais!

  1. O senhor aprova o uso de vitaminas e suplementações?

Dr. Carton: Vitaminas e Suplementos não devem ser consumidos sem orientação médica. Você pode não estar precisando do que toma, tendo assim um gasto desnecessário e abrindo as portas para um possível mal maior.

  1. AL: Cuidar das emoções e da mente ajuda o corpo?

Dr. Carton: O emocional é muito importante, pois muitas doenças podem ter origem psicossomáticas. O bem-estar mental melhora a imunidade e favorece o controle de muitas doenças.

  1. AL: É verdade que certos alimentos e emoções negativas podem causar câncer?

Dr. Carton: Sim, causam câncer, como no caso dos agrotóxicos e embutidos, o que chamamos de desreguladores endócrinos, porém a parte emocional não é uma causa, e sim um agravante, quando está abalada.

  1. Por que precisamos de 2 a 3 litros de água?

Dr. Carton: O cálculo é simples: multiplique seu peso por 30, aí terá uma média de quanto deve consumir de água por dia. Sem água não vivemos, não filtramos nosso sangue e não possibilitamos o funcionamento de todo nosso organismo.

  1. AL: Até que ponto a falta de sono nos afeta, atingindo o corpo e a qualidade de vida?

Dr. Carton: Sono irregular afeta e muito nossa vida, desde o aparecimento de doenças, alterações de memória, riscos de acidentes e descontrole hormonal. Esses são apenas alguns exemplos do que o mal sono pode causar. Em média, precisamos de 8h de sono, sem isso fica difícil ter uma boa saúde física e mental.

  1. AL: Sempre ouvimos que devemos fazer check-up anual. Isso serve para pessoas de qualquer idade ou condição?

Dr. Carton: Nosso corpo é como um carro, você tem que fazer as revisões para ele não quebrar. Não vale a pena esperar dar um problema para depois procurar ajuda, por isso recomenda-se fazer visitas ao médico pelo menos uma vez ao ano.

  1. AL: Qual a sua opinião sobre as medicinas alternativas e integrativas?

Dr. Carton: Medicinas alternativas e integrativas podem ser uma boa opção, porém com supervisão médica, pois só é benéfico aquilo que tem comprovação científica baseado em evidência. Mas toda ajuda é bem-vinda, desde que seja supervisionada.

  1. AL: Por que os exercícios físicos são tão importantes? Podemos escolher a modalidade a ser praticada à vontade?

Dr. Carton: Exercício é de suma importância para todas as idades, mas não saia por aí querendo ser um atleta para a próxima Olimpíada. Consulte um profissional da área e veja aquilo que é melhor para sua idade e biotipo.

  1. AL: Receitas caseiras podem ajudar na saúde ou é melhor ter cuidado com elas? Nossos avós abusavam delas.

Dr. Carton: Receitas caseiras da avó podem ajudar, mas antes pergunte a seu médico. Não é por que é natural que não pode fazer mal.

 AL: Como o senhor vê a automedicação e os diagnósticos feitos pelo dr. Google, mesmo em casos simples?

Dr. Carton: Automedicação, entenda como proibido. Você pode até tentar se informar pela internet, mas não tome nenhuma conduta sem falar com o seu médico.

  1. AL: A tecnologia avança a cada dia e as novidades médicas não param. O que há de novo surgindo do mercado que merece destaque?

Dr. Carton: Tecnologia quando bem usada é bem-vinda, nisso estamos bem servidos, mas infelizmente não está ao alcance de todos. Existem muitas coisas das quais a população pode ser beneficiada, como: medicina robótica, exames de imagem em 3D, pesquisas de células tronco, entre outros. Tudo isso é muito benéfico à vida, porém são complementares ao médico.

  1. AL: Quais os principais erros cometidos pelas pessoas nos cuidados com a saúde?

Dr. Carton: Principal erro seria não procurar ajuda médica, ou de outros profissionais da saúde, se automedicar e até mesmo se auto curar, como se auto condenar. Não fique no ‘achismo’, procure orientação profissional, garanto que não irá se arrepender!

  1. AL: O custo com tratamento e maior que o custo com prevenção? Há estatísticas sobre isso?

Dr. Carton: O Brasil ainda é pobre em estáticas, quando comparado aos Estados Unidos, por exemplo. Também não investimos o necessário em pesquisa. Prevenção é investimento, não gera custo, gera economia. Gasta-se mais resolvendo problemas do que os evitando, infelizmente.

  1. AL: O brasileiro está vivendo mais, o que exige certos cuidados para ter qualidade de vida. Quais seria a receita para viver mais, com saúde e qualidade de vida?

Dr. Carton: Recomenda-se que você tenha oito horas de sono em média, alimentação saudável e atividade física de pelo menos 150 minutos por semana, assim você deixa sua imunidade pronta para te defender. Mas o mais importante é tentar viver uma vida que te faça feliz, os hábitos saudáveis irão te proporcionar isso, leve isso adiante e compartilhe a ideia com quem você ama. Seja feliz!